Este site usa cookies e tecnologias afins que nos ajudam a oferecer uma melhor experiência. Ao clicar no botão "Aceitar" ou continuar sua navegação você concorda com o uso de cookies.

Aceitar

Carreira

6 dicas para não bombar no exame de certificação ITIL 4 Foundation

Renê Chiari
Escrito por Renê Chiari

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A certificação ITIL 4 Foundation está cada vez mais na mira das empresas e das vagas de TI.

Há um índice que nos intriga muito aqui no ITSM na Prática. Em números gerais, aproximadamente 4% dos candidatos não passam no exame do ITIL4 Foundation na primeira tentativa. =(

Parece um número insignificante. Mas aqui somos meio neuróticos por resultados. E a taxa de aprovação dos alunos encabeça as nossas métricas de excelência.    

Com algumas centenas de alunos que já certificamos na nova versão do ITIL, particularmente o exame ITIL4 Foundation, conseguimos avaliar cirurgicamente o que leva um candidato a não ser aprovado no exame na primeira tentativa. 

Se quer saber o que descobrimos e como evitar algumas armadilhas, continue lendo este artigo.

Os 6 deslizes cometidos por quem não passa de primeira no exame ITIL4 Foundation

Erro #1 –  Subestimar o conteúdo do ITIL. 

A maior parte das pessoas que buscam a certificação ITIL já trabalham de alguma forma com gerenciamento de serviços e já têm alguma familiaridade com o ITIL.

Com isso acreditam que podem fazer o exame sem nenhum preparo. 

Acontece que isso não é suficiente. Na verdade é uma das maiores ciladas!

Em muitos casos, conhecer ITIL “na prática” pode ser um vilão na hora do exame, pois naturalmente cada empresa adota o ITIL à sua maneira e nem sempre isso segue as definições “by the book” do ITIL.

É claro que no contexto real, essa é a recomendação do próprio ITIL (adote e adapte). Mas o exame da certificação ITIL não dá margem para interpretações. Você precisa entender os termos e definições do ITIL e responder com exatidão no exame. 

Os principais vícios estão associados às práticas comuns na maioria das organizações de TI, como gerenciamento de incidentes, gerenciamento de problemas, central de serviços e habilitação de mudanças. 

Dentro do jornada ITIL4, por exemplo, temos uma aula exclusiva para tratar de conceitos que se confundem. 

Erro #2 – Não dar o devido foco. 

Não adianta estudar enquanto responde e-mails, verifica as redes sociais e faz mil outras coisas ao mesmo tempo. 

Há algo muito importante que você precisa saber. Exceto se você for um robô, não existe esse negócio de ser multitarefa. O que você realmente faz é alternar entre uma atividade e outra. E isso é péssimo.

Pesquisas mostram que as pessoas só conseguem fazer uma tarefa cognitiva de cada vez. Então ao adotar uma postura multitasking você só está enganando a si mesmo e acrescentando uma enorme perda de tempo à sua já atribulada rotina.

Se você conseguir reservar entre 1 e 2 horas por dia para estudo (sem distrações) isso já é suficiente para fazer o exame entre 2 a 4 semanas.

Portanto, se tirar a certificação ITIL é um dos seus objetivos, dê foco nisso!

Erro #3 – Não seguir uma rotina de estudos. 

Você não pode estudar um pouco hoje e voltar a estudar daqui uma semana. Os conceitos são esquecidos com facilidade após muitos dias sem serem revisitados.

Programe-se para seguir uma rotina de estudos até o dia do exame. 

A minha recomendação é que determine uma data para fazer o exame e então desenvolva um plano de estudos considerando esta data. 

Nós temos uma planilha de planejamento neste link que pode ser útil pra você. 

Erro #4 – Pular etapas. 

A melhor maneira de conseguir a certificação ITIL (e qualquer outra certificação) é seguindo um método. Já provamos isso por aqui. 

Só que a ansiedade para chegar ao final da jornada mais rápido faz com que algumas pessoas pulem etapas e deixem de aprender conceitos importantes que podem ser cobrados no exame.

Outras pessoas acreditam que para passar no exame do ITIL basta responder o maior número possível de simulados.

Mas estas pessoas não contam com as “pegadinhas” e o contexto das questões do exame. Isso muitas vezes leva a uma frustrante reprovação. 

Erro #5 – Não buscar o desempenho mínimo de 80% nos simulados. 

Embora não seja recomendável que o estudo para a certificação ITIL seja focado somente nos simulados, eles são fundamentais para validar o seu conhecimento e determinar se você está pronto para fazer o exame real.

O exame ITIL4 Foundation exige no mínimo 65% de acertos para aprovação. 

É esperado que o seu desempenho no exame sempre seja um pouco menor do que o desempenho nos simulados, visto que há o fator psicológico envolvido. 

Então a recomendação é que você busque sempre um desempenho de 80% ou mais nos simulados para chegar seguro no exame oficial.

Se estiver com desempenho menor, é um sinal de alerta. Reforce os estudos. Entenda os erros que cometeu nos simulados. E se possível tire dúvidas com o instrutor ou grupos de suporte, como no grupo de foco disponível para alunos do Jornada ITIL4.

Erro #6 – Deixar o nervosismo tomar conta. 

Talvez este seja o principal motivo das reprovações no exame do ITIL. 

Muitas pessoas fazem tudo direitinho até a hora do exame. Mas ai na hora H, quando se deparam com uma ou outra questão que não sabem a resposta, o pânico toma conta.

Neste momento é importante controlar o nervosismo para não comprometer todo o exame. Lembre-se que você só precisa acertas 26 das 40 questões. 

Não deixe que o nervosismo tire sua concentração. 

Deu erro no sistema do exame? Sem problemas, o fiscal de exame da Peoplecert vai saber exatamente como te ajudar.

Caiu a Internet no meio do exame? Basta reconectar a recomeçar o exame de onde parou. 

Não sabe responder uma questão? Pule para a próxima e deixe para revisar essa depois que responder todas as outras. 

Em um dos hacks disponíveis no Jornada ITIL4, ensinamos uma técnica que te ajuda a gerenciar o tempo e o nervosismo ao longo do exame.

No mais, se você seguiu toda a programação corretamente, não há o que temer. Confie no método e confie em você!

Espero que estas dicas sejam úteis. Vamos em frente. Rumo à certificação ITIL4!

Opa,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *